quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

MP DE JURUTI PROPÕE AÇÃO CONTRA O ESTADO

Por: Assessoria de Imprensa MPE



A ausência de defensor público em Juruti levou o Ministério Público, por meio das promotoras de justiça Lilian Regina Furtado Braga e Dully Sanae Araújo Otakara, a ingressar com ação civil pública contra o Estado do Pará, através da Procuradoria do Estado. O MP pede que a justiça conceda liminar para que seja designado um defensor para atuar na comarca, para assegurar a orientação jurídica e a defesa dos necessitados, em todos os graus.
O MP ressalta que o estado tem a obrigação constitucional de manter a Defensoria Pública atuando em todos os seus órgãos jurisdicionais, “para prestar a efetiva assistência jurídica gratuita a qual todo paraense pobre e necessitado tem direito”.
A comarca de Juruti foi instalada em agosto de 2009. Antes era Termo Judiciário de Óbidos, havendo necessidade, em caso de urgência, de locomoção do assistido até essa cidade, para ser atendido. Em 2007, relata a ACP, a população do município aumentou com a instalação da empresa Alcoa, o que provocou também o aumento das demandas nas esferas cível e criminal.
Desde a instalação da Comarca a população necessita do serviço, que não vem sendo garantido pelo Estado.
Nos registros do livro de atendimento da promotoria, constam vários encaminhamentos e até mesmo atendimentos realizados pelo MP, que deveriam ter sido feitos por um defensor público.
Em novembro deste ano, em visita carcerária, o MP detectou que a maioria dos presos não possui condições de contratar advogado e estão aguardando a visita de Defensor Público para apresentar suas defesas.A secretaria judiciária de Juruti informou ao MP que a defensoria pública vai até a comarca somente quando é solicitado, para a participação nas audiências, e desde setembro deste ano não se faz presente. “O que falar então do restante da população que precisa de atendimento ao público e ajuizamento de ações necessárias a salvaguadar seus direitos?”, questiona a promotoria.
Ao final da ação o MP pede que seja mantido o pedido liminar, e garantida a continuidade do serviço da Defensoria no município. Caso a liminar seja concedida, sugere multa diária de R$ 10 mil em caso de descumprimento.
.

Rua João Diogo, 100 - Cidade Velha - 66.015.160 -- Belém/PA (
91)4006-3400

JORNAL BRITANICO PREVÊ BRASIL CAMPEÃO NA AFRICA E DILMA ELEITA PRESIDENTE DO BRASIL


Um painel de jornalistas do diário britânico "Financial Times" escolhido para fazer previsões sobre 2010 vê o Brasil como favorito para vencer a Copa do Mundo de futebol, na África do Sul, e a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, favorita nas eleições presidenciais brasileiras.

Diante da pergunta "Como será a vida após Lula?

o correspondente do diário no Brasil, Jonathan Wheatley, observa que, apesar do perfil parecido dos dois principais candidatos à Presidência, José Serra e Dilma Rousseff, de tecnocratas com pouco carisma, a escolha terá um grande impacto sobre o futuro do país.
"Muitos acreditam que o país está num caminho seguro para se tornar a quinta economia do mundo até 2020. Mas o Brasil ainda precisa de reformas voltadas para o mercado nos setores tributário, de pensões e na educação.
A escolha do próximo presidente importa bastante", diz Weathley. Para o correspondente, Serra e Dilma são diferentes.

"Serra acredita em um governo eficiente. Rousseff, aparentemente, acredita em um governo forte", diz seu texto.
"Minha previsão é de que Rousseff vencerá - e de que o ciclo de crescimento do Brasil vai perder gás em três ou quatro anos", conclui o jornalista.

COPA DO MUNDO

Em outro item, o diário questiona: "Quem ganhará a Copa do Mundo de futebol na África do Sul?"

O colunista de esportes do jornal Simon Kuper diz que "há um padrão no resultado das Copas do Mundo, razão pela qual o mais provável ganhador da próxima será o Brasil". "Quando a Copa do Mundo não é na Europa, o Brasil normalmente ganha", observa o colunista.
Apesar disso, ele aponta ainda a Espanha como "a segunda superpotência" atual do futebol, ao lado do Brasil. "A vitória da Espanha na Euro 2008 não foi acidente", diz Kuper.

PREFEITURAS DO PARÁ PERDEM 100 MILHÕES DE REAIS








Em todo o Pará, 105 prefeituras estão impedidas de se candidatar às emendas parlamentares que poderão ser executadas em 2010, porque não solucionaram irregularidades em convênios .
Até órgãos do governo estadual estão na mesma situação.


A informação é do deputado Zé Geraldo (PT), que estima uma perda de pelo menos R$ 100 milhões que Prefeituras deixaram de receber por não terem prestado contas de outros convenios.


O deputado afirma que apenas 38 prefeituras estão em condições de se cadastrar no Sistema de Convênios (Siscon) até as 23h de hoje, quando se encerra o prazo. O cadastro é necessário para que elas empenhem os recursos que poderão receber em 2010 através das emendas parlamentares aprovadas este ano para o orçamento do ano que vem.
São listadas como regulares :
Abel Figueredo, Água Azul do Norte, Altamira, Augusto Corrêa, Brasil Novo, Bujaru, Capanema, Conceição do Araguaia, Concórdia do Pará, Cumaru do Norte, Dom Eliseu, Eldorado do Carajás, Goianésia do Pará, Gurupá, Igarapé-Miri, Itaituba, Jacundá, Limoeiro do Ajuru, Oriximiná, Ourilândia do Norte, Paragominas, Pau D’Arco, Portel, Santa Isabel, Santa Maria das Barreiras, Santarém Novo, São Domingos do Araguaia, São Geraldo do Araguaia, São João de Pirabas, Tailândia, Tomé-Açu e Vigia.

FONTES CONCRETA DIZ JÁDER É CANDIDATO AO GOVERNO



Um político sagaz e de inegável carisma, que faz dele um personagem reconhecidamente sedutor, Jader se notabilizou também pela voracidade que revela como ilustre comensal do poder.
Uma voracidade estimulada, nas atuais circunstâncias, pelo próprio naufrágio do atual governo, para cuja eleição ele teve uma participação decisiva, e pela perfídia histórica de Ana Júlia Carepa, uma aliada inconfiável, como constatou o ex-governador nas eleições de 2002.
Em 2002, a deputada federal Elcione Barbalho, que disputava pelo PMDB uma das duas vagas ao Senado, foi cristianizada por Ana Júlia, favorita na disputa pela outra vaga, para a qual acabou eleita. boicotando, porém, a candidata peemedebista, a pretexto de discordar do acordo celebrado entre o PT e Jader.
Com sua memória retentiva, o ex-governador certamente não esqueceu a lição e dela obviamente se recordou, imediatamente, diante do comportamento errático da governadora em relação ao PMDB, às vezes cortejando Jader, outras vezes aproximando-se demasiadamente de inimigos figadais dele, como é o caso do grupo de comunicação dos Maiorana.


O Jader não tem só a voracidade pelo poder. Ele é um grande abatedor como diria o finado Carlos Imperial. Fez a fila:Elcione, Fafá de Balém,a sobrinha e agora a linda Simone Morgado. Dá-lhe garoto...
Anônimo disse...
se não fosse o PMDB liderado pelo Deputado JADER BARBALHO o pt nao estaria no governo de forma alguma isso qualquer jumento tem capac

Anônimo disse...
O JB foi importanteantíssimo na eleição de DONANA, mas a GRANA, essa veio de Brasílis, do LULALÁ. Sem grana meu bem, nem seu souza. hahahaha

idade para saber mesmo com dinheiro que veio de brasilia ela nao se elejeria se nao tivesse o Dep. JADER como seu aliado ate mesmo pq a ana julia nao tinha prestigio nenhun para ser governadora todos sabem o gobvernador era pra ser o paulo rocha se nao fosse o mensalão(dizem que escondeu dinheiro ate na cueca).

PARTO DEMORADO DIZ A LEI


Ufa! Na undécima hora, Lula regulamentou a Lei nº 11.770, de 9 de setembro de 2008, que cria o Programa Empresa Cidadã, destinado à prorrogação da licença-maternidade para empregadas de pessoas jurídicas. No D.O.U.de 24.12.2009, finalmente publicou o Decreto Nº 7.052, de 23 de dezembro de 2009.
A lei ficou mais de um ano sem poder ser aplicada, por falta de regulamentação. E se passasse para 2010, seus efeitos só valeriam para 2011. É que trata de benefício fiscal: as empresas que aderirem ao programa poderão deduzir de seu Imposto de Renda os salários pagos durante a licença prolongada.

HOJE JADER É CANDIDATO AO GOVERNO DO ESTADO



O PMDB entregua a Governadora Ana Julia duas secretarias, Cohab e Cosanpa já estão à disposição do Governo do Estado. essa informação foi passada por uma fonte peemedebista, muito ligada a Jader. Agora, será que o Governo vai colocar alguém no lugar ? Duvido.Vai esperar o PMDB entregar.Agora isso significa o que ?Que Jader Barbalho é candidato hoje, ao Governo do Estado do Pará em 2010.
Postado por blog do bacana- hoje dia 31/12/2009 ás 8.30 hs

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

ENGENHEIRO DIEGO ORGULHO DE SER JURUTIENSE



  • DIEGO BENITAH BATISTA E SEU PAI ISAIAS BATISTA FILHO

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Aos meus amigos Diego Batista e Isaias Batista Filho

Por: Alex Mendes
O Ex-prefeito Isaias Batista Filho está em estado de graça seu filho mais novo, Diego Batista formou-se em Engenharia Civil e cola grau no dia 15 de Janeiro de 2010.
Isaias Batista Filho foi quem mais investiu em educação em Juruti, quando chegou a prefeitura os professores tinham apenas o ensino fundamental, foi ele que trouxe o ensino médio e o terceiro grau para os professores e para o povo de Juruti.

Os adversários políticos de Isaias Batista Filho podem até tentar silencia-lo, porém não conseguiram apagar das mentes e corações do povo seus méritos como homem público, suas obras, seu empenho para melhorar a educação, sua sensibilidade com a saúde do povo e sua busca incessante para melhorar a vida do homem do interior, tudo isso fazem de Isaias o melhor prefeito dá história recente de Juruti.

Isaias Batista Filho é um líder natural é um homem do povo, sua residência vive cheia de amigos, aliados e familiares. Eu mesmo já acompanhei Isaias Batista em uma de suas viagens para o interior e pode comprovar in loco como ele continua sendo amado pelo povo. As famílias os convidam para entrar em sua residência, os convidam para almoçar. A grande verdade é que Isaias Batista pisa onde o pobre pisa, mesmo fora do executivo Municipal por cinco anos ele continua como a maior liderança política de Juruti e uma das mais influentes do Estado do Pará.

Castro Alves disse “que a praça é do povo assim como o céu o do condor”. É impossível pensar em política em Juruti, sem lembrar os avanços administrativos que Isaias Batista Filho Trouxe para este Município, foi ele que lutou e trouxe a ALCOA.
Como Homem Público Isaias Batista Filho deu sua contribuição de maneira positiva para o nosso Município e como Pai ele conseguiu dá uma formação acadêmica para todos os filhos. Isaias Batista Neto é um grande advogado, Perla Batista e bacharel em direito, Sâmara Batista formou-se em ciências contábeis e agora o mais novo meu amigo de infância Diego Batista é Engenheiro.

A família Batista está de parabéns!

domingo, 27 de dezembro de 2009

ENGENHEIRO DIEGO ORGULHO DE SER JURUTIENSE


DIEGO, ENGENHEIRO CIVIL, NA EMPRESA ONDE JÁ TRABALHA, ESTAREMOS EM BELÉM DIA15 DE JANEIRO DE 2010,PARTICIPANDO DESTA GRANDE FESTA DE COLAÇÃO DE GRAU

ENGENHEIRO DIEGO ORGULHO DE SER JURUTIENSE

ENGENHEIRO DIEGO BENITAH BATISTA NA EMPRESA ONDE JÁ TRABALHA

DIEGO ORGULHO DE SER JURUTIENSE ENGENHEIRO CIVÍL


DIA 15 DE JANEIRO DE 2010, DIEGO BENITAH BATISTA, ESTÁ COLANDO GRAU COMO ENGENHEIRO CIVÍL, E NOS ESTAREMOS PRESENTES NESSA GRANDE FESTA DE COLAÇÃODE GRAU DO NOSSO ÚLTIMO FILHO,ESTAMOS MUITO FELIZES POR DEUS TER-NOS DADO QUATRO FILHOS, E ESTES PODER NOS PROPORCIONAR MUITAS ALEGIAS. ISAIAS BATISTA NETO - ADVOGADO , PERLA PATRICIA BENITAH BATISTA BACHAREL EM DIREITO - SAMARA BENITAH BATISTA- CONTADORA - E DIEGO BENITAH BATISTA ENGENHEIRO, SÓ TEMOS QUE AGRADEÇER AO MEU DEUS TODO PODEROSO, POR TODAS ESSAS VITÓRIAS,MUITO ÓBRIGADO MEU DEUS.

PAPAI NOEL DO VEREADOR ERO

ESTE JOVEM ADOLESCENTE ERA O PAPAI NOEL DA FESTA DO VEREADOR ERO E LUCIDIA NO BAIRRO DO MARACÃ, CHEGOU DE SURPRESA NA FESTA DESCEU DE PARAQUEDAS,PARABENS ATODOS VOCÊS, LEMBREI-ME QUANDO ERA PREFEITO QUE SEM DINHEIRO, MAIS FAZIA-MOS A FESTA DA GAROTADA,HOJE COM MUITO DINHEIRO ESQUEÇERAM DOS MAIS POBRES!!!!!!!

VEREADOR ERO FAZ FESTA DE NATAL

VEREADOR ERÓ E LUCIDIA, ENTREGANDO PRESENTES DE NATAL AS CRIANÇAS DO BAIRRO DO MARACÃ

VEREADOR ERO FAZ FESTA DE NATAL


VEREADOR ERÓ COM MUITAS BONECA LINDAS, BOLOAS ,CARRINHOS ,ETC

IMAGENS DA FESTA DO VEREADOR ERÓ N0 NATAL


VEJAM QUANTAS CRIANÇAS ESPERAM PELO O PAPAI NOEL

DEUS É PAI DEUS É LUZ

MUITOS PRESENTES, DOADO PELO VEREADOR ERÓ, "QUANTA PAZ QUANTA LUZ" !!!

  1. DEUS NOS MOSTRA O CAMINHA QUE DEVEMOS SEGUIR,QUE DEUS NOS ABENÇÕE QUE DEUS CONTINUANDO A NOS MOSTRAR O CAMINHO QUE NOS CONDUZ Á SALVAÇÃO.

VEREADOR ERO FAZ FESTA DE NATAL

O verearo ERÓ do DEM, faz festa com crianças do bairro do maracanã, entregando mais de 200 duzentos presentes as crianças daquele bairro, ofertou ainda um almoço do Natal,para as crianças e Mães das referidas crianças,não é preciso estar do lado do Governo para fazer algumas manifestações de carinhos para as pessoas mais necessitadas, desde que tenha vontade em divir tudo aquilo que se ganha com os mais pobres,e isso tenho presenciado o referido Vereador em o fazer e o faz ,como um politico que se comprometeu em palanque eleitoral lutar pelos que clamam por dias melhores,faz oposição mais com responsabilidade áqueles Edis que estão ao lado do governo não tiveram essa mesma iniciativa de lembrar os mais necessitados .estiveram acompanhando o vereador Eró a ex.primeira dama Lucidia Benitah Batista ,com aquele gesto de sempre estar ao lado dos mais necessitados. veja alguns flagantes da festa.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

SAÚDE EM JURUTI, NÃO É O QUE O PREFEITO E SEUS MARKETEIROS ANUNCIÃO

Eu, havia dito que não iria me posicionar tão cedo sobre o que ocorre em Juruti na atual administração Municipal, ou no Governo Popular como queiram
acontece que sou obrigado em fazer essa denuncia construtiva e chamar atenção do Governo Municipal,já que os nossos Edis principalmente aqueles que seriam oposição, já que não existem na Câmara de Vereadores para defender os mais humildes,
faço isso com muita responsabilidade, pois tenho ouvido o povo dizer que no programa do Prefeito na Radio Cidade de Oriximina,ele tem falado que são mais de 12 médicos em nosso município,mais não é isso que o Prefeito fala
pois bem, no dia 24 de 12, meu irmão precisou de ser atendido em carater de urgência no hospital municipal pois havia feito uma cirurgia no coração na Capital do Estado, pois estava urinando muito sangue, e precisava ter uma orientação médica por profissionais da saude,
desde as 17.30 ,quando chegou no hospital municipal até as 21.30 não foi atendido´por médico algum, pois a médica que estava de plantão estava atendendo na UNIMED, tambem de plantão, vejam os senhores como está nossa sáude,
meu irmão teve que viajar aspreças para Santarém para não morrer sem atendimento,sei que o Snr Prefeito talves não teve conhecimento, a queles que lá estavam, presenciaram meu irmão dormindo em uma cadeira no sala de recepção
meu irmão urinava muito sangue, o Hospital que deixei na plena da saúde com muitos programas, pois a saúde está um CAUS,
o barco da saúde no fundo,parece que este municipio não tem governo, é curativo sendo feito com o mesmo instrumento que se faz em um paciente, é feito em outro, apenas lavando com ´água da pia do lavatório e aí está pronto para outro atendimento, até porque eu precenciei a tal inrresponsabelidade,
e que se diga depassagem foi feito por uma pessoa que se diz que é médico mais não tem CRM,tentei ligar para o Prefeito para lhe comunicar tais irregularidades mais não fo ipossivel em ser atendido,espero que alguem possa ler essa materia e chegar ao conhecimento do Snr Prefeito para que ele possa tomar as medidas necessaria em tela.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

MINISTRA DA CASA CIVIL DA PRESIDENCIA DA REPÚBLICA


O QUE É SER CANDIDATO NA POLITICA, DILMA RUSSEFF,SE DEIXA FOTOGRAFAR PELA PRIMEIRA VEZ, SEM A PERUCA, POLITICA É POLITICA AINDA MAIS QUE ESTÁ EM ÚLTIMA COLOCAÇÃO CONFORME AS PESQUISAS DE OPINIÃO PÚBLICA !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Cheques honrrados em novembro, incluindo o Pará


VEJAM; O QUE É O PÕDER







Alô. alo, Fala Prefeito tudo bem. tudo bem,quem fala!,é um amigo seu do ínterior do Estado,
Parabéns. pela sua vitória,obrigado cara, não te esqueci de mim, claro que não vou esquecer,vou governar para todos,a minha Prefeitura vai ser igual da companheira Ana Julia


"DEMOCRATICA E POPULAR",só que temos que esperar a justiça............. ,Mas sabe o que é meu Prefeito, eu tenho um parente que está com um cargo lá com o Dudu, não dá para manter ele por lár Priante :

Égua Bacana, depois que saiu a sentença da justiça, o que meu telefone tocou de gente pedindo por algum parente ou amigo escorado lá na prefeitura do Duciomar. Deve ter um exército de assessor por lá.

Esse Priante!!!!!! só assumindo logo esse cargo para resolver nossos problemas,pois estou com receio que ele vá exonerar meu primo,mais ele vai fazer falta la na saúde.









VEJA O QUE DISSE JÁDER BARBALHO NA CONVENÇÃO DO PMDB



A frase é de Jader Barbalho, hoje na convenção do PMDB que escolheu a nova executiva do partido. Ele foi reeleito para presidente da legenda.Sobre a história de Lula pedir uma lista tríplice para Dilma escolher o vice Barbalho disse que isso não vai acontecer, que o PMDB é quem escolherá o nome.



O PMDB quer candidato próprio ao Governo, e quer Jader como candidato. O PMDB desde o porteiro do diretório até o presidente da Alepa, do assessor mair próximo de Barbalho até o prefeito de Mojú, ou seja de cabo a rabo e de rabo a cabo.


!!!!!! E a candidatura do Jatene mudou isso ?Não, não e não.É só mais uma possibilidade, como é o PT, como é o DEM. Mas a possibilidade número um hoje é candidatura própria, é Jader. Mas pode mudar ?Meu amigo tudo muda. Ou quase, taí o Almir que não me deixa mentir está dando ordens e telefonemas á todo o istante aos seus amigos para rumarem ao seu novo partido PR

PMDB faz denúncias contra desembargador, segundo O Estadão


- A direção nacional do PMDB denunciou ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) o que classifica de "irregularidade administrativa" que teria sido praticada pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Pará, desembargador João Maroja, acusando-o de interferir no caso que envolve a cassação do prefeito de Belém, Duciomar Costa (PTB).Depois de ter alegado suspeição em dois processos contra Costa, pelo fato de seu filho, Leonardo Maroja, atuar como procurador-chefe da prefeitura

O desembargador, segundo o PMDB, decidiu manter como relator do processo de exceção o mesmo juiz, José Maria do Rosário, que havia concedido na semana passada liminar para manter Costa no cargo.

Rosário suspendeu no dia seguinte os efeitos da sentença de outro juiz, Sérgio Lima, que cassou o prefeito, determinando a posse do segundo colocado na eleição, o ex-deputado federal José Priante (PMDB).

Costa continua na prefeitura, amparado por liminar em ação cautelar concedida por Rosário. Priante tomou posse no dia 7 passado na Câmara Municipal, praticamente na mesma hora da liminar em favor de Costa.

Além de pedir que o CNJ suspenda a distribuição da medida cautelar e da exceção de incompetência, o PMDB nacional quer que seja também verificado os critérios de distribuição de processos no TRE.

Maroja demonstrou surpresa com a denúncia. "Não atuei na distribuição desse processo e ele nem passou pela minha mão", reagiu o presidente do TRE. Para ele, o PMDB está "criando um factoide" com seu nome.


Perguntado sobre o fato de ter um filho atuando como chefe da procuradoria do prefeito cassado, Maroja foi taxativo: "meu filho não é empregado do Duciomar Costa, ele é do município",diz bores ," isso é uma vergonha".

OS DEZ MUNICIPIOS MAIS RICOS DO PARÁ


Os 10 municípios mais ricos do Pará, responsáveis por 66,2% da riqueza produzida no estado. Os dados são do Idesp (Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social do Pará), com base no PIB de 2007.Em relação ao ano de 2006, as únicas alterações foram a inclusão de Paragominas no G10 – subiu da 11ª para 9ª posição, assumindo o lugar antes ocupado por Canaã dos Carajás, deslocado para a 10º posição – e a queda de uma posição de Oriximiná, que deixou o G10
1º – Belém (27,87% de participação no PIB do Pará)2º – Barcarena – (7,39%)3º – Marabá - (6,29%)4º – Parauapebas - (6,20%)5º – Ananindeua - (5,68%)6º – Tucuruí - (4,92%)7º – Santarém - (3,19%)8º – Castanhal - (1,90%)9º – Paragominas - (1,37%)10º – Canaã dos Carajás – (1,34%)Fonte: Idesp
Postado por blog do bacana-postagem


sábado, 19 de dezembro de 2009

UM GOVERNADOR QUE DIZIAM " O LIDER DO PARA"



TODOS QUERIAM ALMIR GABRIL, DEVERÁ VOAR PARA O PR DE ANIVALDO,QUE É COLIGADO COM ANA JULIA,CUIDADO,MUITO CUIDADO PSDB,QUE ALMIRPODE DAR A VOLTA POR CIMA,O PSDB DO PARÁ SEM ALMIR,NÃO VAI LONGE,VAMOS ESTAR VIVOS PARA VER ESSA SENA,ESSE É UM PENSAMENTO DE UM PMDEBISTA ROUXO.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

TODOS QUERIAM "ALMIR GABRIEL"





  • Todo mundo queria Almir Gabriel
    Com 62 anos de idade, era pura perspectiva de poder.
    Agora, aos 78 anos, foi transformado numa peça de museu dentro do PSDB
    Esquecido e largado por quem sempre ele deu a mão.
    Fizeram com Almir o que nunca se faz com o pior dos adversários
    Deixaram-no sem saída.
    Emparedado.
    Enxotado !
    Foi um grande erro.
    Fatal !
    Almir, agora, é uma arma letal
    Ele não tem mais nada a perder.
    E isso é péssimo.
    Quem viver, verá
    E corda pra isso, não vai faltar...,a note ai,ele vai se filiar em outro partido politico,quero ver a turma chorar,sem Almir o Jatene fica no meio do caminho,lider é lider,outros são simplesmente expectadores,e outros por terem mandatos dado pelo seu lider,vamos ver o proxim0 capitulo.




quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

TRE. CASSA MANDATOS DOS PREFEITOS DE BUJARU E CONCEIÇÃO DE ARAGUAIA


O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou, ontem, os mandatos dos prefeitos de Bujaru, Maria Antônia Silva da Costa (PMDB), e Conceição do Araguaia, Álvaro Brito Xavier (PT). O petista poderá ficar no cargo até que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgue o recurso contra a decisão, enquanto a peemedebista terá que sair. Ambos são acusados de crime eleitoral praticado
durante a campanha municipal de 2008.
As decisões foram tomadas durante a sessão do pleno do TRE e tiveram o parecer favorável do Ministério Público Federal. O procurador eleitoral, Ubiratan Cazetta, explicou que testemunhos e provas materiais apresentados nas denúncias comprovaram os crimes.
Dois juízes votaram contra a cassação de Maria Antônia. Uma das alegações foi a que a denúncia continha contradições. A prefeita foi acusada de ter comprado votos no dia da eleição e teve o mandato cassado por juiz eleitoral. Ontem, o TRE julgou o recurso apresentado por ela contra essa primeira decisão.
No caso do prefeito de Conceição do Araguaia, o pedido de cassação foi encaminhado diretamente ao TRE. Apenas um juiz votou contra a decisão. Álvaro Xavier foi acusado de se promover durante a inauguração de obra na orla do município.
Segundo a denúncia, ele não estava no palanque, mas circulou entre a platéia e teve o nome citado por correligionários que falaram ao público.
O voto contra a cassação se amparou em divergência sobre o crime numa situação como essa. Para o procurador eleitoral, houve crime.
Cazetta explicou que Xavier, que cumpre o segundo mandato consecutivo, poderá recorrer ao TSE e aguardar uma nova decisão ainda no cargo. Os recursos só devem ser impetrados após a publicação oficial das decisões tomadas ontem pelo pleno.

TRANSFERENCIAS CONSTITUCIONAIS PARA JURUTI MES DE NOVEMBRO

Transferências Constitucionais - MES DE NOVEMBRO FEX0,000,00 0,00 0,00
ICMS LC 87/960,00 0,00 2.836,41 2.836,41
ICMS LC 87/96-15790,00 0,00 0,00 0,00
FUNDEF0,00 0,00 0,00 0,00
FUNDEB542.345,76 147.574,29 615.344,76 TOTAL 1.305.264,81
fonte tessouro nacional



FPM MES NOVEMBRO
fonte do tessouro nacional
FPE210.735,96 26.806,11 80.775,83 318.317,90
IPI-EXP8.139,28 2.867,67 1.663,89 12.670,84
Complementação da União0,00 0,00 0,00 0,00
Lei Complementar Nº 870,00 0,00 8.475,64 8.475,64
ITR89,09 356,43 33,55 479,07
IPVA3.432,70 17.747,01 0,00 21.179,71
ITCMD0,00 514,73 0,00 514,73
ICMS189.041,53 82.630,65 474.218,66 745.890,8
Total542.345,76 147.574,29 TOTAL 745.890,84

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

MP . RECOMENDA QUE ESCOLAS COMUNIQUEM CASOS DE ABUSO CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Por: Assessoria de Imprensa do MP.


Em Juruti, o Ministério Público do Estado, por meio das promotoras de justiça Dully Sanae NegritoAraujo Otakara e Lilian Regina Furtado Braga, emitiram recomendação aos dirigentes e professores do ensino fundamental relativa aos de violência contra crianças e adolescentes.

A recomendação pede aos educadores da zona urbana e rural que comuniquem ao Conselho Tutelar os casos de confirmação ou suspeita de violência contra crianças e adolescentes, como agressões físicas, psicológicas, maus tratos, negligência, abuso e exploração sexual, para que possam ser adotadas providências legais.

O documento foi enviado a todas as escolas integrantes da rede pública municipal de Juruti, e ao secretário municipal de Educação. O MP considerou, dentre outros fatores, que as crianças, quando vítimas de maus tratos, ao chegarem na escola ou outra instituição, demandam atendimento e proteção, sendo um dever do profissional prover a assistência e comunicar ao Conselho Tutelar.

O MP considera ainda a importância das notificações, já que segundo estimativas oficiais, para cada caso de violência comunicado às autoridades, outros vinte acontecem. Além disso, o ECA considera a omissão como infração administrativa, a ser punida com pena de multa.

MP. AJUIZA AÇÃO CONTRA ESTADO PARA CONSTRUÇÃO DE CADEIA PÚBLICA




Por: Assessoria de Imprensa do MP

Em Juruti, o Ministério Público do Estado, por meio das promotoras de justiça Dully Sanae Araújo Otakara e Lílian Regina Furtado Braga, ajuizou Ação Civil Pública contra o governo do Estado do Pará. A ACP requer concessão de liminar para construção de cadeia pública no município, além de outros pedidos.

A ação foi ajuizada pelo fato de não existir cadeia pública no município. Além da construção, requer a ACP nos pedidos liminares, que o Estado realize a imediata lotação de agentes penitenciários na delegacia, até a efetiva construção da cadeia, para que passem a se exercer funções de carcereiro.

Até que os agentes sejam lotados, requer o MP que seja determinada a remoção dos presos, para cumprimento de pena em uma das casas penais do Estado. A ação pede a determinação de multa de R$ 10 diários em caso de descumprimento.

De acordo com a promotoria, após a condenação existe dificuldade logística para que a polícia civil consiga transferir os presos para uma casa penal. Até a data da ação, cinco presos condenados permanecem no estabelecimento, e “mesmo diante dos diversos requerimentos, nada foi solucionado”, diz o MP.

A polícia civil informou ao MP a necessidade urgente de resolver o problema, uma vez que a atual população carcerária de Juruti é de 29 pessoas, sendo duas mulheres em celas separadas e cinco condenados.

A remoção dos presos condenados é feita pelos policiais civis, com apoio da polícia militar, sendo levados para os estabelecimentos penais que disponibilizem vagas em Santarém, Itaituba e Altamira. A estrutura física também não é adequada de acordo com os parâmetros dos direitos humanos.

A ação pede que ao final seja julgado procedente o pedido, para que o Estado seja obrigado a construir a cadeia pública, com lotação imediata de agentes penitenciários na delegacia, fornecimento da alimentação aos presos custodiados e remoção dos presos sob as expensas do Sistema Penal.

MP. AJUIZA AÇAÕ CONTRA ALCOA POR PULUIÇÃO DE IGARAPES


Publicada em 16/12/2009

Por: Assessoria de Imprensa do MP

Em Juruti, o Ministério Público do Estado, por meio das promotoras de justiça Lilian Regina Furtado Braga e Dully Sanae Araújo Otakara, ingressou com Ação Civil Pública contra a Alcoa (OMNIA Minérios Ltda). A ACP quer garantir a cessação e recuperação dos danos ambientais causados ao ecossistema que abriga os igarapés das áreas de influência das rodovias, caminhos de serviços e ferrovia construídos pela empresa. O MP requer concessão de liminar que determine a imediata suspensão da licença de operação do empreendimento.
A Alcoa explora bauxita em Juruti. A empresa obteve a licença de operação no segundo semestre deste ano. O MP requer a suspensão da licença até que sejam tomadas todas as providências para recuperação, controle e monitoramento dos igarapés, e indenização dos comunitários afetados. Requer também a suspensão de toda e qualquer licença ambiental em favor de atividades de supressão de vegetação, de terraplenagem ou de movimentação de terra.
O terceiro pedido liminar é que seja determinado à Secretaria Estadual de Meio Ambiente que relacione todas as condicionantes ambientais ainda não cumpridas pela Omnia Minérios, com suspensão de todas as licenças vinculadas a tais condicionantes, e aplique as medidas cabíveis em decorrência dos descumprimentos.
A ação foi motivada após procedimento instaurado pelo MP, pelo qual foi constatado que ao se instalar em Juruti, a empresa não adotou medidas de proteção exigidas, e agiu sem atenção ao contexto local no planejamento e execução das obras viárias, com descuido e falta de zelo ao meio ambiente. "Os autos noticiam a ocorrência de uma intervenção desastrosa, levada a efeito pela ré, em prejuízo dos igarapés", afirma a ACP. Os moradores das comunidades de Jabuti e Santo Hilário foi quem noticiaram ao MP o aterramento dos igarapés.
O estudo de impacto ambiental (EIA-RIMA) previa "ações de desmatamento, terraplanagem e execução de corte/aterro em maciço terroso para implantação da ferrovia e de construção de estradas". De acordo com o estudo, tais ações potencializam a ocorrência de erosão e outros efeitos sobre o solo, o que resulta em maior volume de material transportado para os cursos d'água. A situação foi percebida previamente, mas tratada de forma precária pela mineradora, conclui a promotoria.
Após as denúncias, o engenheiro do MP, Dilaelson Rego Tapajós, Doutor em Engenharia de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental, realizou vistoria no entorno da região da comunidade do Jabuti, confinada entre duas obras de infra-estruturas do projeto: a ferrovia e a rodovia.
A vistoria constatou a alteração da turbidez das águas, causada pela desestabilização da rede de drenagem natural, decorrente das obras para a implantação do sistema viário para servir ao projeto. O próprio EIA/RIMA já indicava o potencial risco de degradação, embora sem identificar adequadamente as áreas.
Ainda segundo a vistoria, foi observado que as ações providenciadas pela empresa para mininizar os impactos foram insuficientes. Por isso toda a terra transportada pelas chuvas é levada para os igarapés, nos quais ocorre imediata transformação nos leitos, com impactos sobre fauna e flora que habita esses espaços.
O MP ressalta, "dentre as informações alarmantes que se extraem dos autos", o registro de que a região do planalto, local de instalação da ferrovia e da rodovia, que possui densa rede de drenagem, não ficou identificada e definida por ocasião da elaboração do EIA/RIMA. Ou seja, não se conhecia a malha de drenagem formada pelos igarapés, e ainda assim o empreendimento foi licenciado pelo Estado.
A promotoria questiona a falta de cumprimento dos PCA's (Planos de Controle Ambiental) pela empresa, condicionantes para a concessão de licenciamento. A SEMA reconhece que embora todos estejam em vigor, alguns estão atrasados ou defasados. "O projeto minerador segue a passos rápidos, sem interrupções ou interferências, o processo degradador está instalado na região dos lagos e igarapés", diz a promotora, e "a Secretaria Estadual do Meio Ambiente, nem sequer indica as condicionantes estabelecidas e os PCA's que não foram cumpridos ou mesmo estão defasados", conclui.
Pedidos finais - Ao fim da ação, o MP requer que sejam julgados procedentes os pedidos iniciais, e que seja imposto aos requeridos a obrigação de apresentar, no prazo de 30 dias a densidade de drenagem da área de implantação do projeto e a locação dos pontos de monitoramento da qualidade da água, bem como a rede de drenagem alterada em decorrência da construção das infra-estruturas necessárias à operação do projeto de mineração.
E que seja a empresa impedida de realizar nova remoção de cobertura vegetal, terraplenagem ou qualquer movimentação de terra até que os problemas de assoreamento e de turbidez das águas dos igarapés estejam sendo controlados e recuperados.
Pede ainda que seja imposta a obrigação de estabelecer um programa de monitoramento especial para os cursos d'água da região de planalto, e elaboração e execução de um plano de abastecimento de água para as pessoas que tiveram seus usos afetados, que devem ser planejados e monitorados por instituições de ensino e pesquisa contratados pela empresa.
Por fim, que seja determinado que a SEMA realize a interdição do Lago Jará e de seus tributários, e que a mineradora elabore um plano específico para o monitoramento e para a identificação das fontes degradadoras dessas águas.

Á FRASE DE UM AUTENTICO PEEMEDEBISTA



Quando o adversário começa a ficar puto contigo é porque está dando certo."essa frase é de um peemedebista autentico
com esse negócio de comparar o Governo do Jader de 91 a 94 - ou seja, mais de dez anos atrás, com o da Ana,mesmo assim o de Jáder dá de porrado nesse atual,veja pela propria pesquisa que está rolando na imprenssa Paraense ,Porque não comparar da Ana com o do Jatene, que terminou seu Governo não faz 3 anos ? Sei lá meu amigo, sei lá.

DESFILIAÇÃO DE ALMIR GABRIEL DIVIDE OPINIÕES NA AL




Um dia após a divulgação pelo DIÁRIO da desfiliação do ex-governador Almir Gabriel do PSDB, partido que ajudou a fundar, o clima entre os tucanos era uma mistura de luto e indignação. Luto entre os que lamentavam a saída daquele que ainda é considerado um dos maiores líderes da legenda no Estado. Indignação com trechos do comunicado em que o ex-governador acusa o partido de ter se afastado dos princípios “políticos e éticos” que alicerçavam a legenda.As deputadas Suleima Pegado e Tetê Santos foram as que mais demonstraram tristeza. Amiga de longa data do ex-governador, Suleima não escondeu ter chorado ao saber da notícia. “Você acha que eu estou com essa cara inchada por quê?”, indagou. “Fiquei muito triste. Para mim, Almir Gabriel é o grande líder. Foi ele quem nos ensinou a fazer política, sem ódio, sem rancor, com seriedade e ética”, declarou.Tetê Santos disse ter aprendido com o médico Almir Gabriel até noções de primeiros socorros. “Essa saída em nada vai diminuir meu sentimento de gratidão por ele”. Para Ítalo Mácola e Manoel Pioneiro, a decisão não chegou a ser surpresa. Embora tenham ressaltado a importância de Gabriel na construção do PSDB do Pará, os dois lembraram que ele já havia se despedido da política após as eleições de 2006. “Temos um sentimento de perda, mas já sabíamos que ele deixaria a política partidária porque quando partiu de Belém (em 2007) disse que não queria mais ser um operador da política. Queria apenas discutir os grandes temas”, afirmou Mácola.A resposta mais ácida a Almir veio do deputado federal Zenaldo Coutinho, que classificou a atitude do ex-governador de deixar o partido de contraditória. “As palavras ofensivas desdizem a trajetória do doutor Almir no PSDB”, disse o deputado, lembrando que Almir havia declarado que só seria candidato tucano ao governo em caso de não haver acordo entre Mário Couto e Simão Jatene, o que acabou ocorrendo após dez meses de disputa.Almir Gabriel anunciou a saída do PSDB no último domingo, mesmo dia em que os tucanos comemoravam com festa na Assembleia Legislativa o anúncio da pré-candidatura de Simão Jatene ao governo. “Nenhuma razão de ordem pessoal ou política é maior que a decisão unânime daqueles que estão no dia-a-dia da política no Pará”, completou o deputado federal.O líder do PSDB na Assembleia, José Megale, disse que ainda tem esperanças de que, num outro momento, Almir retorne ao ninho tucano. “Não existe mágoa de nenhum de nós em relação a ele”. Megale afirmou, contudo, que “com Almir ou sem Almir, com Jatene ou sem Jatene, o PSDB será sempre um grande partido”. >> PT trataria melhor aos seus O assunto repercutiu também entre outras bancadas. O líder do PPS, Arnaldo Jordy, que apoiou Almir Gabriel na última eleição, classificou a desfiliação como “um desfalque para o PSDB”.“No que pesem as nossas divergências, as virtudes e os defeitos, o Almir foi, no essencial, um político bom para o Estado. Foi um bom prefeito e talvez um dos últimos grandes senadores que o Pará teve”, disse Jordy, lembrando que o ex-governador foi senador Constituinte e, como tal, relator de capítulo da ordem social da atual Constituição Federal.O petista Carlos Bordalo leu o comunicado de Almir publicado ontem no DIÁRIO na Tribuna da Assembleia e questionou: “o doutor Almir deve uma explicação à sociedade paraense. O que fez o PSDB para que ele considere ter se desviado dos princípios éticos?”.Bordalo disse ter ficado surpreso com a “forma como está sendo rejeitado o fundador do PSDB”. “O Almir morreu? Onde está enterrado? A maneira como falam dá a entender de que se trata de um cadáver”.Aos jornalistas, Bordalo ressaltou que o PT trata os seus muito melhor. “Nem o Delúbio foi tratado por nós dessa forma”, declarou, referindo-se ao ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, expulso da legenda acusado de ser um dos principais operadores do mensalão. (Diário do Pará)

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

O ANO EM QUE O BRASIL PAROU


O ano de 1968 foi um ano em que aconteceram tantas coisas em um ritmo tão rápido e constante que não será fácil reproduzi-lo aqui nessa mal traçadas linhas que faço questão em retornar a história e descrever a coragem de homens, mulheres, intelectuais, operários, estudantes e pessoas comuns que se lançaram na tempestade, deixando para trás família e empregos.

Sem duvida nenhuma 68 foi um ano que a própria noção de tempo se ampliou. Era possível ver nós olhos das pessoas que elas queriam que o País passasse de fato por uma mudança estrutural e conjuntural. Que o tempo passa todos nós sabemos, mas de modo geral sabemos através das rugas, dos cabelos brancos, dos aniversários, da morte dos nossos entes queridos. Em 68 o ano deu um salto como um relógio que despertasse atualizando os sonhos de muitas gerações.

O movimento Estudantil deixará de lado as causas internas da Universidade e passaram a lutar diretamente pela redemocratização do País. Muito próximo dos estudantes estavam os intelectuais, jornalistas, músicos todos vivendo aquele clima de tensão que já vinha se prolongando desde de 1964, mais em 68 o nível de repressão chegou ao ápice.

O período 1960- 1964 marcou um dos pontos mais altos das lutas dos trabalhadores brasileiros até então. No dia 13 de março, no Rio de Janeiro, o Presidente João Goular participou de uma grande manifestação em defesa das reformas de base, esse episodio ficou conhecido como Comício da Central, porém uma conspiração civil-militar estava em curso, e o governo de Goular estava com dias contados. E em 1º de abril de 1964, Goular foi deposto e o País mergulhou numa ditadura que durou 20 anos.

No dia 10 de dezembro de 1966 Carlos Mariguella Pede demissão da executiva do Partido Comunista, alegando que na vida de um combatente é preferível renunciar a um convívio formal a ter de ficar em choque com a própria consciência. E em agosto de 1967 Mariguella e convidado pelo regime Cubano a participar das Conferencias da Organização Latina Americana de Solidariedade, foi então que Mariguella decide sua opção pela Guerrilha. “Ao sr ver a guerrilha era o caminho fundamental – mas não exclusiva da revolução no continente”, afirmará Carlos Mariguella.

No dia 25 de julho de 1968 acontece a passeata dos cem mil e Mariguella declara que a “a revolução não é coisa abstrata”. A revista Veja do dia 20 de novembro de 1968 estampa de capa a foto de Carlos Mariguella com o dizer “Procura-se”, chefe comunista, critico de futebol em Copacabana, fã de cantores de feira, assaltante de bancos, guerrilheiro, grande apreciador de batidas de limão.

O sentimento de frustração na produção intelectual era muito grande. A mesma frustração se conjugava com o movimento Estudantil: estudantes e os artistas passaram a desenvolver novas técnicas, adestrando seu talento, mas, se perguntavam pra que? Não era mais para satisfação das grandes aspirações populares, como pretendia a maioria dos nossos intelectuais que eram democratas e progressistas. A arquitetura se reproduzia aos espaços nas residências da burguesia, o pintor ficou enquadrado na galeria de luxo. Os horizontes e ideais foram brutalmente reduzidos.

O Movimento operário caminhava-se rumo à organização. Está organização se dava com características novas. Porque grande parte dos lideres tinham saído de cena, condenados ao exílio, a prisão, morte ou ao ostracismo. Os Sindicatos passavam por intervenção do governo. Agora as greves eram por atrasos de pagamentos dos salários, aspectos mais gritantes da injustiça patronal.

A Esquerda passava pelo que chamamos de luta interna. O bloco de organização que existirá em 64, PCB à frente, fazia sua autocrítica e como resultado dela surgiram inúmeras novas organizações, cada uma com sua tática e sua estratégia e todos dispostos a não perder, mas, tempo. Esse processo de autocrítica da esquerda encerrou-se em 67, liberando as forças orgânicas para atuarem diretamente na sociedade e não mais se dedicarem apenas ao debate político teórico.

Em 1966, já se articulava várias organizações clandestinas de combate a ditadura militar formados por dissidentes e ex-militantes do PCB. Entre elas, Ação Libertadora Nacional – ALN, Movimento Revolucionário 8 de Outubro – MR-8, o Partido Comunista Brasileiro Revolucionário – PCBR e a Vanguarda Popular Revolucionaria – VPR.

E em todo Brasil começou a estourar os movimentos de greves dos trabalhadores em Osasco, São Paulo e Contagem, Minas Gerais, ao lado das grandes passeatas estudantis.

Todos esses elementos expostos à cima já estavam em curso quando explodiu o movimento de 68. Mas seria leviano pensar que o movimento foi profundamente detalhado e organizado.

Portanto quando explodiu os movimentos em 68 havia muita coisa em gestação: o projeto de organização do aparato burocrático e a insatisfação estudantil e popular lentamente destilados ao longo daqueles anos de ditadura militar.

As idéias econômicas que prevalecia na esquerda a época o capitalismo brasileiro numa crise sem saída. Segundo raciocínio das lideranças, a compressão do poder aquisitivo das massas assalariadas iria limitar o mercado e causar uma crise de superprodução. Na realidade o capitalismo crescia lado a lado com a pobreza. As falências eram vista com os olhos do falido, o pequeno capital, e não com os olhos festivos dos grandes capitais que se beneficiavam delas. A visão da esquerda era encarada nas ilusões de um setor do capital, não somente nas suas ilusões, mas também no seu desespero diante do engolfamento pelas multinacionais.

A esquerda pensava que a ditadura e o sistema capitalista cairiam juntos no movimento harmonioso. A luta especificamente estava esgotada, o parlamento era peça de museu.

O Ministro da Justiça, Gama e Silva, anuncia o Ato Institucional número 5 em 13 de dezembro de 1968, e o jornal do Brasil por meio de metáfora, denuncia a censura, “Tempo negro. Temperatura sufocante. Ar está irrespirável. O país está sendo varrido por fortes ventos”.

O AI – 5 representou um endurecimento ainda maior da ditadura militar. Sob sua violência, instaurou-se no país o terror, que teve o auge da violência no período 1969 – 1976, com tortura, eliminação física e desaparecimento de militantes de organização de luta armada, do PCB e do PCdoB. A repressão sistemática aos movimentos democráticos foi generalizada, com censura à imprensa e a produção cultural.

O movimento operário passará a se organiza basicamente em torno de seus interesses matérias imediatos, uma vez que a pressão econômica era muito intensa e os níveis de organização e consciência acumulados muito débeis.

O jeito foi o movimento esperar na beira do rio a chegada das idéias e adapta-las mecanicamente e realidade nacional. Creio que isso tenha sido um pecado cotidiano da esquerda no período de 64-68. A esquerda tinha diante de suas aspirações a revolução Cubana, porém superar as diferenças criadas entre os movimentos até então, tornará um grande problema.

Esta forma de ver o mundo expressa, a debilidade que passava o movimento naquele momento, existia uma crise no interior do pensamento da esquerda, porém os movimentos não tinham mais tempo para recuar ou avançavam ou eram dizimados.

Em 04 de Setembro de 1969, numa ação conjunta do MR – 8 e da ALN, foi seqüestrado o embaixador Norte – Americano Charles Elbrick. Para liberta-lo, o movimento exigiram a soltura de presos políticos. Em troca a ditadura liberta quinze presos políticos entre eles estavam: Jose Dirceu, Vladimir Palmeiras, Ricardo Villas-Boas, Maria Augusta Carneiro, Gregório Bezerra e Mario Roberto Zanconato.

Gregório Bezerra foi um militante que até domesticou barata para poder levar a mensagem dentro da cadeia. Era o que tinha mais anos de cadeia de todos da lista. Gabeira afirmou em entrevista que concedeu no exílio para o Pasquim de outubro de 1978, “Gregório tem mais ano de cadeia que muitos garotos tem de vida”. Disse ainda, “O Vladimir Palmeira presidente da UNE representava um símbolo do movimento estudantil e de luta de 68”.

Num certo sentido o fracasso no pós-68 expressa os erros de outros processos, quando copiados mecanicamente. Creio que a critica ficaria incompleta se não abordasse a crise profunda no pensamento de esquerda. Alguns historiadores tentam nos fazer crer que a crise se deve puramente ao Estalinismo. Creio que a crise que fez com que os movimentos constituídos em 68 não chegassem ao poder foi mais ampla do que os posicionamentos Estalinistas usados por alguns agrupamentos, porém este debate não cabe aqui neste espaço para ser discutido.

A analise equivocada da situação econômica, a incompreensão da situação política, a copia mecânica de exemplos externos – tudo isso contribuiu para os erros. É bem verdade que o Brasil é um País elitista e talvez a esquerda não tenha percebido como nesse aspecto ela era gêmea dos burocráticos que mais tarde ganhavam a tevê com seu vocabulário confuso: eles usavam a técnica e a ciência para explorar os trabalhadores e a esquerda esquecerá que o mundo não parou com os comunistas de Moscou.

E as lideranças passaram a ser caçadas, Florestan Fernandes disse que Mariguella foi perseguido como a caça mais cobiçada e condenado à morte cívica, à eliminação da memória coletiva.

No dia 04 de novembro de 1969 a ditadura militar silenciava para sempre a maior liderança da esquerda naquele momento, Carlos Mariguella cairá na emboscada do delegado Sérgio Fleury. O Primeiro tiro atravessou as nádegas; o segundo, acertou a virilha; o terceiro, feriu de raspão o seu rosto. Caído no meio da rua, imobilizado pelos ferimentos, foi cercado e executado a queima-roupa com um quarto tiro. Em reflexo defensivo, elevou a mão e teve um dos dedos estraçalhados pela bala que lhe perfurou o pulmão, provocando-lhe hemorragia interna e morte instantânea.

Apesar dos erros cometidos pelo movimento que explodiu em 68, é legitimo hoje vê-lo como um dos primeiros gritos articulados pela democracia. Grito esse que ecoaria nas eleições de 74, nas manifestações estudantis de 77, na missa por Vladimir Herzog, um grande momento que a esquerda perdeu para fazer a revolução e tomar o poder dos militares, nas múltiplas vozes da imprensa alternativa, oposição sindical, na luta pela liberdade de expressão.

Alex Mendes
Vice-presidente Estadual do PSOL - AM

sábado, 12 de dezembro de 2009

JATENE:CONFIRMADO CANDIDATURA AO GOVERNO DO ESTADO


Almoço que selou a paz entre Mário Couto e Jatene foi amenos
Simão Jatene foi confirmado mesmo candidato tucano ao governo do Estado. Um almoço oferecido pelo senador Mário Couto selou publicamente a paz entre ele e o ex-governador, que travaram ao longo de quase dez meses uma intensa batalha pelo posto. Amanhã, os tucanos fazem festa no auditório da Assembleia Legislativa. O que seria um ato de apoio à candidatura de Jatene se tornou a chance do senador Mário Couto anunciar que baixou as armas e que trabalhará para eleger o ex-governador, que agora se tornou quase unanimidade dentro do PSDB. Os detalhes do acordo, anunciado ontem, foram fechados no dia anterior na casa de Couto em Salinas. Para abrir mão da vaga, o senador cobrou “participação mais efetiva dos políticos” no governo, embora tenha se recusado a falar sobre uma possível partilha de cargos. Além disso, a filha do senador, Cilene, será candidata a deputada estadual com pretensões de chegar à presidência do Legislativo paraense. A decisão de caminhar para o consenso teria sido tomada, segundo Mário Couto, ao ser informado pelos caciques nacionais da legenda que, diante do impasse, iam sugerir uma convenção interna em abril para definir quem seria o candidato. “Naquele momento, eu mostrei que não era imaturo a ponto de deixar uma decisão dessas para abril”, disse o senador, afirmando que pessoalmente trabalhava com o limite do final de dezembro para que fosse posto fim à disputa e o candidato anunciado. “Conversei com minha família e achei que não devíamos deixar o partido ir para o suicídio político. Deixar a decisão para o ano que vem seria um exagero”, falou Couto, ressaltando ser uma pessoa humilde que não tem dificuldade em “abrir mão de um processo como esse”. “Aqueles que torciam para que nós viéssemos desunidos, torciam por um racha dentro do PSDB, nesta hora devem estar com a cabeça inchada”, brincou. “O PSDB é um partido maduro, forte, que tem no seu âmago uma madeira que, mesmo ficando nessa pressão por um ano, não racha. Estamos inteiros aqui”, declarou o senador, garantindo que vai “participar ativamente da campanha de Jatene ao governo”. ANSIEDADE O senador revelou, contudo, que o acordo poderia ter sido anunciado antes, “não fosse a ansiedade de alguns que voltaram a entornar o caldo”. Ele se refere ao anúncio antecipado feito pelo deputado estadual José Megale, que chegou a ser desmentido pela cúpula tucana em Brasília. Encerrada a disputa interna, o PSDB está pronto para buscar alianças. Segundo o presidente da legenda no Pará, senador Fernando Flexa Ribeiro, todos os partidos, à exceção do PT, serão procurados. Nesse ponto da fala, Flexa foi corrigido pelo recém-anunciado pré-candidato Simão Jatene. “Até os insatisfeitos do PT serão bem-vindos”. Para os aliados, o PSDB deve oferecer a segunda vaga ao Senado, uma vez que a primeira deve ficar com Flexa Ribeiro, além do cargo de vice-governador. “A única forma de conseguir as coisas é coletivamente. A unidade do partido é fundamental para que se construa o projeto”, afirmou Jatene, que embora não tenha falado em pesquisas eleitorais, disse ter sido beneficiado pela conjuntura. “Ganhamos todos (com o acordo), não apenas o PSDB, um partido que se organiza para disputar a eleição com chances de vitória”.>> Agora só falta acalmar AlmirPara que a paz no ninho tucano reine absoluta, porém, ainda falta convencer o ex-governador Almir Gabriel a não apenas aceitar a candidatura de Simão Jatene, como a trabalhar por ele. O DIÁRIO tentou contato por telefone com Almir e não conseguiu respostas. O senador Mário Couto lembrou que o ex-governador ofereceu o nome à disputa apenas se Jatene e ele não chegassem a um entendimento. Couto disse que na noite anterior ao anúncio conversou com Almir Gabriel, que teria recebido a notícia tranquilamente. “Não dei nenhum passo que ele não tenha sido informado”. O presidente estadual do partido, senador Flexa Ribeiro, afirmou que o PSDB continua trabalhando para levar Almir a ajudar na campanha. “Todos nós estamos conversando com ele e temos esperança de que vamos tê-lo nessa caminhada”. Flexa Ribeiro contou que pensou em desistir da disputa ao Senado em favor de Almir Gabriel. “Me dispus a ceder a vaga, mas ele sempre demonstrou a posição de que não será candidato ao Senado. De qualquer forma, continuamos a esperar uma posição, no caso de querer disputar”. PRESIDÊNCIAAlém do acerto com Almir, falta definir quem será o presidente da legenda na próxima eleição. Flexa Ribeiro teve o mandato prorrogado pela Executiva nacional, mas o deputado federal Zenaldo Coutinho diz haver um acordo para que ele assuma no final deste ano. Ontem, no almoço regado a champanhe, nem Flexa nem Zenaldo quiseram aprofundar o assunto. “A presidência não está em discussão”, disse o senador. Mário Couto afirmou, contudo, que “o fato é que Zenaldo será o próximo presidente do PSDB”. Resta saber quando ele assumirá o cargo. O clima no almoço foi de confraternização, com muitos brindes e abraços. Além de Flexa, Mário Couto e Jatene, estavam presentes os deputados estaduais Tetê Santos, José Megale, Bosco Gabriel, Manoel Pioneiro e Ana Cunha e os deputados federais Nilson Pinto, Zenaldo Coutinho e Wandenkolk Gonçalves.
.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

VICÊ - PREFEITO TEM HABEAS CORPUS NEGADO


O advogado Félix Valois, teve a sua primeira derrota na tentativa de soltar o vice-prefeito de Manaus, Carlos Souza. O habeas corpus impetrado por ele foi negado no final da tarde de hoje pelo desembargador Cláudio César Ramalheira Roessing, plantonista do Tribunal de Justiça do Amazonas. Valois entrará direto no Tribunal de Justiça do Amazonas que distribuirá a matéria a uma das Câmaras Criminais. Carlos Souza permanecerá o final de semana preso, mas deve sair da unidade prisional do Puraquequarta para um batalhão da Policia Militar, ainda nesta sexta-feira, uma vez que tem direito, por possuir curso superior, a prisão especial. O pedido foi protocolado nesta quinta-feira pela defesa do vice-prefeito.
Ler a notícia na íntegra

A GOVERNADORA NÃO SABE AQUEM AGRADAR



A governadora Ana Júlia está atirando para todos os lados.Como até agora só reuniu penduricalhos para se coligarem com o PT, de olho na eleição do próximo ano, Sua Excelência distribui bondades, solidariedades, gentilezas, rapapés e distinções a torto e a direito.Mas a torto do que a direito, aliás.Vejam.A governadora, nem bem soube que o prefeito Duciomar Costa estava cassado por sentença condenatória da lavra do meritíssimo juiz Sérgio Lima, da 98ª Zona Eleitoral, tratou de ligar para o prefeito.Ligou para externar-lhe sua solidariedade e dizer que estava à disposição para o que fosse possível. Ainda que nada, absolutamente nada a governadora pudesse fazer.Enfim, a governadora ofereceu a Duciomar um ombro amigo, tão amigo como este dos ursos aí da imagem (ohhh!).Pois bem.Aí, as coisas andaram, instituiu-se o Direito Fórmula 1 – by José Scaff Filho, não esqueçam -, o ex-deputado José Priante tomou “posse” como prefeito de Belém... Enfim, essas coisas todas que vocês sabem.E aí?E aí que Sua Excelência a governadora Ana Júlia escala emissários para irem até Priante, convidá-lo para conversar com ela, no Cristal Ville.Priante foi.Chegando lá, ouviu o seguinte, em resumo resumidíssimo:- Se você assumir, conte conosco – com o nosso governo, com a bancada do PT na Câmara etc.Hehe.Que coisa!Vamos ver qual será o próximo a receber a solidariedade da governadora Ana Júlia.Basta que o próximo – sejam quem for - assuma a prefeitura, com ou sem amparo no Direito a jato de Sua Excelência o vereador José Scaff Filho.Putz!


JUIZ QUE CASSOU DUCIOMAR REJEITA NOVA ELEIÇÃO





O juiz Sérgio Lima, da 98ª Zona Eleitoral - o mesmo que na sexta-feira passada cassou o diploma de prefeito de Duciomar Costa por abuso de poder econômico e promoção pessoal na eleição de 2008 -, rejeitou ontem os embargos de declaração apresentados pelo vice-prefeito, Anivaldo Vale. Também atingido pela cassação, Vale queria que o juiz modificasse a sentença que o afasta da prefeitura, juntamente com Duciomar, para determinar que fosse realizada nova eleição para prefeito de Belém.Ao rejeitar o pedido, Lima foi taxativo: “Entendo que a sentença está suficientemente fundamentada e não contém omissão, contradição ou obscuridade que justifique seu reparo ou modificação”. O magistrado reiterou que o segundo colocado na eleição, o ex-deputado federal José Priante, é quem deve assumir a Prefeitura de Belém. Na segunda-feira, Priante foi empossado no cargo, mas a decisão tomada pela Câmara Municipal atropelou o rito processual que deveria ser seguido, primeiro com a diplomação dele. Não houve diplomação, o que invalidaria a posse. Quase no mesmo instante em que Priante era diplomado, um outro juiz que não atuou no processo, José Maria do Rosário, concedeu liminar em ação cautelar movida por advogado de Duciomar, mantendo-o no cargo até que o recurso contra a cassação seja julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Lima, na decisão de ontem, afastou a pretensão do vice de Duciomar de realização de nova eleição, citando recente decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no recurso contra expedição de diploma número 671 - envolvendo disputa ao governo do Maranhão, no qual o TSE determinou que a senadora Roseana Sarney assumisse o governo do Estado.DIPLOMADOO juiz paraense aderiu ao voto do ministro Eros Grau, que ao decidir o caso do Maranhão, argumentou: “Eleição decidida em segundo turno. Cassado o diploma pela prática de atos tipificados como abuso de poder, conduta vedada e captação ilícita de sufrágio, deve ser diplomado o candidato que obteve o segundo lugar”.No despacho que rejeitou os embargos de Vale, o magistrado determinou a intimação do advogado Inocêncio Mártires, defensor de Priante, para apresentar contra-razões ao recurso de Duciomar Costa e concluiu: “encaminhem-se os autos ao egrégio Tribunal Regional Eleitoral, sem mais delonga, tendo em vista que desde já mantenho a sentença recorrida, por seus lídimos fundamentos”. (Diário do Pará)

DISSE NOSSO PRESIDENTE

Meu amigo Alex Mendes, isto aqui está uma merda disse nosso Presidente,puto pela pesquisa,pois sua candidata não reage em função de sua candidatura,quer saber até onde vai essa merda!!!!!!!!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Entrevista com Alex Mendes


Acompanha o pique de Alex Mendes não é para qualquer um, o vice-presidente Estadual do Partido Socialismo e Liberdade – PSOL é do tipo elétrico, que fala sem parar e parece prestar atenção em mais de uma coisa ao mesmo tempo. Um excesso de energia muito bem-vinda para quem iniciou muito cedo no movimento Estudantil, para quem já foi presidente de Grêmios, presidente da UMES, Vice-presidente da UBES, líder de greves, assessor de comunicação de órgãos Municipais, dirigente partidário e ainda encontra tempo para ser o pai da Clara Porto Mendes Braga, sua filha de apenas dois anos.

Alex Mendes nos recebeu em sua residência, e nos contou seus planos para o futuro, falou de sua experiência vivida em quase quatro meses morando em Juruti, qual será seu posicionamento político para eleição do ano que vem, quem vai apoiar nas eleições municipais de Juruti em 2012. Sempre bem humorado e com um pedaço de queixo na mão, um copo de suco de laranja e cercado de centenas livros. Alex não se esquivou de nenhuma pergunta nem quando foi questionado sobre que nota daria a administração de Henrique Costa. “Henrique é um covarde e os covardes não tem direito nem de entrar no inferno”, alfinetou Mendes.

blog do Isaias - Juruti?
Alex Mendes - Eu não gosto de tratar desiguais de forma igual à situação em Juruti já passou de todos os limites. Está além do horror. A política em juruti esta me causando arrepios sistemáticos. Não quero bancar o sensitivo, mas esta era: Henrique Costa + PT é igual Samba do crioulo Doido. Nunca tinha visto antes na história da república Brasileira tanta incompetência em uma só administração. Parece se estiolar numa mesmice de procedimentos políticos que parecem véspera de alguma explosão.

blog do Isaias - Explica Melhor?
Alex Mendes - Vou classificar aqui como a “maldição da rodela”, um jeito carinhoso para falar do primeiro escalão da administração do PT. O Henrique é um bom jogador, mas como administrador deixa muito a desejar. Na última eleição ele deu um xeque-mate na oposição que perdeu eleição antes mesmo de entrar em campo. Ele trouxe para seu lado pessoas com boa capacidade de articulação e com uma mentalidade de mundo moderno. Já disse uma vez em artigo que o Henrique é uma espécie de Macunaíma-maquiavélico. O Henrique ganha a eleição, mas não conquista o respeito do povo e não conseguiu se firma como liderança política em Juruti. Porém aglutinou com ele muitos oportunistas que um dia já tiveram do lado do Isaias e hoje estão do lado do Henrique e se um dia o Isaias voltar ao ocupar o executivo vão chamo-lo de meu mestre. Mais mesmo assim esse governo continua o mesmo: anúncio de medidas não-tomadas, radicalizações e indignação ‘verbais’ do executivo ou de amigos, ou filhinhos desde e daqueles mamando nas tetas da prefeitura, mais tudo amenizados por sorrisos carismáticos em jornais patrocinados pelo poder público.

blog do Isaias - Fala mais um pouco sobre isso?
Alex Mendes - Nada de real acontece em Juruti, nós só temos passado e futuro, o presente se dissolve no ar ou talvez nas mansões palacianas que estão sendo construídas nesta atual administração. Estamos precisando mais do que ação. Estamos precisando de fatos e a administração Henrique costa desmoralizou os fatos. Os acontecimentos simplesmente não acontecem, se diluem, morrem. Quando veremos juruti crescer? Henrique Costa usa a bruta resistência do atraso como caldo de cultura para manter viva a incompetência e a inércia de sua administração. Não vejo um projeto de modernização. É bem verdade que o prefeito aprendeu bem a usar, a manipulação dos meios de comunicação que patrocina para poder navegar no lodo limpinho que ele criou em sua volta.

blog do Isaias - Aprofunda-se?
Alex Mendes
- Estamos assistindo a uma nítida deterioração das instituições, quando ninguém mais teme nada, todos descobriram que corrupção não tem “pobrema”, como diria os companheiros. O que antes se fazia com vergonha, agora é feito às claras. Trata-se da institucionalização da amoralidade útil, da desmoralização dos escândalos. Vivemos na administração do é assim mesmo e tapinha nas costas. E toda essa impunidade é adoçada pelo charme Maquiavel do prefeito; tudo fica invisível quase, tudo fica desmentido pelo inesperado aumento da produção industrial, graças à ‘ALCOA’. Na verdade Juruti progride, enquanto o prefeito dorme, as grandes obras em Juruti foram feitas pela Agenda positiva, a prefeitura recebeu no ano passo de ISS mais de R$ 90 milhões e em Janeiro recebeu R$ 17 milhões. Juruti é uma cidade que está vivendo seu melhor momento econômico e se a população não abri os olhos vai ficar vendo a banda passar tocando coisa de amor.

blog do Isaias - Em 2012 eleições Municipais?
Alex Mendes - É importante pensar a política como forma de transformação social, e o futuro governante da cidade tem que ter uma visão moderna de administração tem que ser bem articulado com a política nacional. Eu não faço mais um debate localizado, penso que a eleição de 2012 depende diretamente da eleição de 2010. O futuro presidente da Republica tem que fazer a federalização da educação. É preciso que o próximo presidente pense diferente de Lula e do PT e faça uma revolução na educação básica de tal maneira que se iniciem, de imediato, as mudanças radicais para que o Brasil venha a ter um sistema educacional competente que permita criar uma economia competitiva, emprego para população e melhor qualidade de vida para todos. É hoje um consenso na sociedade moderna que os investimentos em educação ocupam papel central no progresso das sociedades. Os países com o maior desenvolvimento são aqueles que fizeram os maiores investimentos em prol da escolarização de qualidade de seus povos. Mais educação significa avanços no setor produtivo e na qualidade de vida, bem como na redução das desigualdades.

blog do Isaias - Quais são esses Países que melhoram com os investimentos na educação?
Alex Mendes
- O Canadá, a Coréia do Sul, República da Irlanda, Espanha, Finlândia e o Chile aumentaram a escolaridade média de suas populações, investiram a maior parte de seus gastos sócias em educação, melhoram a qualidade do aprendizado e investiram em formação de professores e os valorizaram profissionalmente. Deram certo na promoção da educação e isso se refletiu fortemente no desenvolvimento econômico e social.

blog do Isaias - O Brasil é um País que apenas 5% da população tem ensino superior como melhorar isso?
Alex Mendes
- Nas últimas décadas, no Brasil, foram promovidos esforços para melhorias no campo da educação. Alcançar 97% da população de 7 a 14 anos matriculada foi m avanço diante das taxas do final da década de 1980, quando o índice era de 86%. Mas ainda é pouco. Não podemos consentir que 3% de nossas crianças fiquem fora da escola. Para superar o quadro de debilidade da aprendizagem na educação, é necessário aumentar os recursos, mas, sobretudo, melhor direciona-lo, com planos e metas claras de avanços reais. É preciso não só uma reforma do financiamento da educação, mas uma reforma pedagógica e de gestão para que o Brasil não perca por completo o bonde da história.

blog do Isaias - Como seria essa reforma?
Alex Mendes
- A base dessa reforma seria a federalização da educação básica, uma espécie de sistema único da educação. Não se trata de centralismo gerencial ou pedagógico, mas a expressão mais nítida da responsabilidade da união com a educação das crianças brasileiras, mantendo o gerenciamento municipal e permitindo a liberdade pedagógica, mas com exigência mínima definitiva em uma lei de responsabilidade educacional.

blog do Isaias - O legislativo?
Alex Mendes
- Minha formação política vem do movimento estudantil dos grandes debates, fui um dos críticos da atual reforma universitária, quando ocupava o cargo de vice-presidente da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas - UBES, talvez tenha sido o único Jurutiense a ocupar esse cargo. Eu não concordo acho que a reforma deveria ser de base. Não se constrói uma casa começando pelo telhado e sim pelos pilares. Falo disso para retorna ao legislativo local e como não tenho compromisso com o prefeito e muito menos com os vereadores. Meu compromisso é com a verdade, vou logo classificando o legislativo de Juruti como fraco e apático. Um dos pilares da democracia é o contraditório: a posição e a situação. E em juruti só tem situação. O Vereador Erodisse Brelaz é o único foco de oposição na casa é uma exceção. Os vereadores de situação estão fazendo seu papel de dá sustentabilidade ao executivo para governar, ou seja, ter governabilidade e o Henrique tem isso de sopra no legislativo. O Erodisse é um grande vereador, talvez o melhor nessa legislatura, tem uma carreira política sólida, já foi presidente da casa por duas vezes, mas não tem o arrojo do ex-vereador Toró.

blog do Isaias - O PMDB tem vários nomes para disputar a sucessão Municipal qual é o nome mais forte para enfrentar o PT em 2012?
Alex Mendes
- Eu sou um dirigente do PSOL. Sou vice-presidente Estadual da legenda no Amazonas, logo fico impossibilitado de apóia um candidato do PMDB. Não sou filiado ao PMDB, meu partido é oposição ao PMDB em nível nacional e no Amazonas fazemos oposição ao Governador Eduardo Braga e sua política de calango ele troca de discurso, assim como calango muda de pele para cada platéia, ele ganha prêmio Ambiental, porém é conhecido como rei do gado. Só que em nível local tenho afinidade política com o ex-prefeito Isaias Batista Filho, isso não significa que vamos está no mesmo palanque. Acho que é cedo para falar em 2012, porém é importante fazer esse debate. O PMDB de Juruti tem grandes quadros, o Fladimir Andrade que já foi vereador por quatro mandatos, seria um bom prefeito, a Dona Lucidia Batista esposa do ex-prefeito e meu amigo pessoal Isaias Batista Filho é uma mulher sensível, moderna com uma capacidade administrativa excelente, tem grandes idéias seria uma grande prefeita, Otavio Barbosa um empresário antenado com os problemas sociais, também seria um bom prefeito. O Isaias Batista Neto um jovem advogado que já morou fora de Juruti, seria um prefeito com uma qualidade técnica excelente. O meu primo Toró, arrojado seria um bom prefeito também, o Vereador Erodisse Brelaz do Democrata também seria um bom prefeito. O fator novo dentro do PMDB é o Advogado Eder Coelho, talvez o homem com maior experiência política e de administração pública de todos os citados a cima, ele é um dos advogados, mas comentados do baixo a Amazonas, seria um prefeito técnico, mas sensível com os problemas sociais da cidade, seria um grande prefeito.

blog do Isaias - O futuro?
Alex Mendes
- Fiz um comentário um dia desses no blog do Isaias que iniciava com a música da Banda evangélica Catedral “Quem fala mal de mim são os filhos de Caim”. Minha passagem por Juruti foi ótima reencontrei amigos, familiares, fiz novas amizades, deletei outras e encontrei o amor pela vida novamente. O ano de 2009 foi um ano muito difícil para mim, perdemos a eleição em Manacapuru, Perdemos a eleição em Manaus, separação e um dia decidi descer o Rio Amazonas novamente. Hoje estou bem melhor, estou gerenciando o luctasocial.blogspot.com, um jornal que foi fundado em 1914 pelos anarquista e no final do ano quem vem esse blog vai vira livro. E aproveito a oportunidade para agradecer aos Isaias Batista (Pai e Filho) pela força que me deram quando estive em Juruti e principalmente minha família, meu tio Solano Mendes Braga meu grande pai!

DISSE: DR JOSE RONALDO DIAS CAMPOS

Tive o prazer de ler uma materia no blog do Jeso Carneiro,de autoria do renomado Advogado Santareno, José Ronaldo Dias Campos,"TRE suspende cassação da Prefeita de Aveiros",disse o Dr. Ronaldo,quanto não deve ter custado o patrocinio desses custos com tanta rapidez,fico pensando como funciona o TRE néste Estado,minha candidatura foi negado por esse mesmo Égregio Tribunal, fui julgado ás 21.00 hs,sem que meu nome estivesse na pauta de julgamento,sem defessa porque eu nem meu Adv.tivessemos conhecimentos, já pela manhã estava públicado no Diário Oficial, á minha condenação,aí está outro exemplo em tempo record,a liminar que fez conque o Duciomar continuasse no Governo,parece brincadeira ,um tira outro coloca,e como disse Dr.Ronaldo,quem paga a conta?!!!!!!!!!

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

MAIS UM PREFEITO CASSADO POR COMPRA DE VOTOS




A prefeita de Aveiro, Maria Gorete Dantas foi cassada do cargo pelo juiz eleitoral da 34a. zona.A sentença manda que seja afastada imediatamente do cargo.A dúvida é se assume o segundo colocado, que teve seu registro impugnado pela Justiça Eleitoral ou se haverá nova eleição no município.Com certeza, a prefeita vai tentar seguir o exemplo de seu colega de infortúnio de Belém: uma medida liminar que a mantenha no cargo.Se seguir os ritos ela conseguirá,essas ações está rondando Juruti, o nosso problema que não tem Magistrado em nossa cidade,temos um foro de Justiça muito bonito construida pela Alcoa, mais não temos Juiz,até quando AQUI TAMBEM FOI ABUSO DO PODER !!!!!!!!! 12/07/2009 05:02:00 PM

LIMINAR: ADEVOGADO QUESTIONA ESCOLHA DE MAGISTRADO



O advogado Inocêncio Mártires Coelho Júnior, defensor do ex-deputado José Priante, disse que viu com surpresa o fato de o pedido de liminar em favor de Duciomar Costa, concedida pelo juiz José Maria Teixeira do Rosário ter sido apreciado “antes que a exceção de incompetência protocolada conjuntamente com aquela medida tivesse recebido análise”.Para ele, o juiz competente para examinar o pedido teria de ser Daniel Sobral, que já atuou no caso, e não José Maria do Rosário, que manteve Duciomar no cargo. Se esse entendimento prevalecer, a decisão de Rosário seria “declarada nula”, ou seja, a liminar não teria qualquer eficácia. O ponto positivo no dia de ontem, na avaliação do advogado, foi o fato de um ciclo do processo ter sido encerrado. A sentença do juiz da 98ª Zona Eleitoral se consumou e Priante foi empossado prefeito de Belém. Depois de tachar Duciomar Costa de “ex-prefeito”, Inocêncio Mártires observa que ele foi reintegrado ao cargo e continua à frente do executivo municipal amparado em “decisão precária”, liminar que caso seja cassada, “importará na sua imediata destituição e a consequente reinvestidura de Priante no mandato que a justiça eleitoral lhe confiou por direito e justiça”. (Diário do Par

JOSÉ PRIANTE É IMPOSSADO PELA CÂMAR MUNICIPAL


"Estou aqui porque a Justiça disse que devo ser o prefeito"



“Quem vai administrar um município tão complexo e tão carente como Belém, principalmente depois da desastrosa administração do prefeito que está saindo, não pode abdicar de uma coalizão ampla com todos os partidos, e de ir buscar ajuda do governo do Estado, assim como do presidente Lula. Eu não hesitarei em bater à porta de cada um que possa ajudar a tirar nossa cidade da lama, da sujeira e, principalmente, do caos na saúde pública”. A declaração é do ex-deputado José Benito Priante - segundo colocado nas eleições para prefeito de Belém em 2008 – que foi empossado como novo prefeito da cidade, nesta segunda-feira. O ato foi realizado na sala vip da Câmara Municipal de Belém, presidido pelo 1º secretário do Legislativo, vereador José Scaff Filho, tendo como testemunhas apenas jornalistas e alguns assessores de vereadores. Como havia sido decretado, por acordo de lideranças, que esta segunda-feira seria ponto facultativo na Casa, praticamente nenhum funcionário compareceu e só a segurança foi reforçada, com homens da Guarda Municipal. Enquanto Priante continuava em sua casa, aguardando a convocação de seus advogados para ser diplomado pela justiça eleitoral e, em seguida, ir até a Câmara para ser empossado, um grupo de vereadores deslocou-se até a 98ª ZE. Com base na sentença de Andrade Lima, considerando o tópico “Dos Efeitos desta Decisão e a posse do segundo colocado”, já de volta à Câmara, decidiu, por maioria, empossar José Priante logo ali, apesar de ele ainda não ter sido diplomado pelo juiz ou pelo Tribunal Regional Eleitoral. “Essa é uma posse diferente das outras, sem solenidade, porque se dá em cumprimento de uma decisão judicial e porque Belém, com o Duciomar Costa cassado, não pode ficar sem prefeito, acéfala”, justificou José Scaff Filho.O despacho do juiz, com relação ao efeito da decisão e à posse do segundo colocado, diz, textualmente: “A presente condenação possui efeito imediato considerando que os recursos eleitorais não têm eficácia suspensiva (Código Eleitoral, artigo 257), pelo que determino a diplomação dos candidatos José Benito Priante Júnior e José Wilson Costa Araújo, que obtiveram a 2ª colocação no pleito, oficiando-se à Câmara Municipal de Belém para que dê posse aos mesmos. Nos cargos de prefeito e vice-prefeito do município de Belém”.Apenas o 1º vice-presidente da Casa, Carlos Augusto Barbosa, e dois vereadores do PMDB (Wanderlan Quaresma e Henrique Soares) discordaram da interpretação de seus colegas. Barbosa estava na Casa e não participou do ato, alegando que feria dispositivos constitucionais e o regimento interno da Câmara. Quaresma, que é médico, chegou depois da posse, alegando que estava fazendo uma cirurgia quando foi avisado.Depois que Priante e Zeca Pirão fizeram o juramento à Lei Orgânica de Belém, todos os vereadores de oposição presentes discursaram, prometendo ajudá-los a fazer uma administração voltada para o povo de Belém. Priante ressaltou que a sentença judicial foi prolatada com fundamentação e muita consistência e que a decisão da cassação deve ser cumprida. Observou que as provas foram produzidas pelo Ministério Público, não por seus advogados. Disse estar confiante de que o TRE rejeitará os argumentos da defesa de Duciomar, já que no primeiro processo sobre a mesma denúncia, ele foi condenado. Sobre a declaração do prefeito cassado de que Priante estaria tentando “levar a eleição no tapetão”, este disse que quer “ganhar, sim, mas não infringindo as normas e as regras”. Indagado sobre as primeiras providências que tomaria como prefeito, Priante anunciou que daria início a uma auditoria nas contas do município de Belém. Se constar desvios de recursos, levará a denúncia à Justiça. “Já soubemos que, de sexta-feira para cá, aconteceu um festival de gastança na prefeitura. É preciso verificar se ficaram pelo menos os cofres, e isso muito nos preocupa”. ENTENDA O ARGUMENTO DE DECISÃO ANTERIOR decisão do juiz de empossar o segundo colocado está respaldada na consulta 1.657 feita pelo Tribunal Regional Eleitoral do Piauí ao Tribunal Superior Eleitoral, que define que em casos de 2º turno, não há necessidade de nova eleição, mesmo que o 1º colocado tenha obtido mais de 50% dos votos. O caso de Belém é semelhante ao do Maranhão, onde Roseana Sarney assumiu após a cassação de Jackson Lago. (Diário do Pará)